domingo, 3 de março de 2013

CHÁ DE CADEIRA...



Estão se tornando comuns os famosos “chás de cadeira” em consultórios médicos. Parece até obrigação . Marcou uma consulta médica? Vá preparado para esperar...esperar...esperar...
Profissionais da área médica que respeitam suas agendas nos dias de hoje, são uma raridade.
Como disse uma amiga minha, não dá para entender porque os médicos marcam hora, se atendem conforme suas necessidades. Melhor seria dizer: “venham no início da tarde. E aguardem... quando puder, atendo...”
Salas de consultórios de alguns profissionais mais parecem antessalas de pronto atendimento .
E as filas de espera agora também se estendem quando vamos marcar uma consulta pelo telefone.
Dependendo do profissional escolhido e da área em que atua, a espera pode estender por longos meses.
Então, a primeira etapa da espera já começa no ato da marcação da consulta. Respiramos com alívio quando conseguimos agendar e por mais que nosso instinto já nos prepare pela espera que virá pela frente, haja paciência !!!
Quem gosta de esperar? Os minutos vão passando e se transformando em horas, longas horas de espera extenuantes.
Olhamos pra TV, procuramos nos distrair com a horrível programação da tarde ou lemos uma revista , quando tem alguma interessante .
Um chá de cadeira de 3 horas num consultório pra mim é inédito. Meia hora de atraso já é difícil de aturar, agora imaginem 3 horas...É pra tirar a paciência de qualquer um...
Eu estava acompanhando minha mãe num retorno médico nesta última sexta-feira. Considerei um abuso a espera interminável. Felizmente minha mãe , apesar da idade é uma pessoa dócil e compreensiva e aturou bem esse impasse.
Chamou-me também a atenção um senhor idoso que mantinha as pernas apoiadas num banquinho para melhor descansá-las. Com certeza poderia estar melhor acomodado em sua casa.
Todos respiraram aliviados, quando finalmente a “grande estrela” chegou. Enfim, o atendimento médico começaria.
Levando-se em conta que cada paciente permanece no consultório uma média de 50 minutos, um lanche reforçado, como brincou a secretária, realmente precisaria ser servido, visto que muitos como nós estávamos ali desde 3 horas da tarde.
Ou seria melhor que nos avisássemos para ter levado a “marmita”?
Como minha mãe era a segunda consulta, acabamos saindo de lá já lá pelas sete horas da noite.
Cruzes, atrasei-me um pouco para meu compromisso da noite, mas ainda cheguei a tempo de tirar essa foto no encerramento de nossa formação para catequistas





 
Nesta foto não consegui ficar "escondidinha" como sempre fico. é que estou perdendo a timidez... rsssss



























2 comentários:

  1. É mesmo um desgaste a mais esse tal de chá de cadeira!!Uma pena! Linda foto e ainda bem que chegaste lá! beijos,chica

    ResponderExcluir
  2. Eh...eh...eh... Realmente, Edite, você sempre fica por detrás das outras pessoas, nessa foto você ficou bem na frente.

    Beleza tem que ser mostrada mesmo, por inteiro, viu?!

    ResponderExcluir