domingo, 2 de junho de 2013

Filme: O Pequeno Princípe

O pequeno Príncipe e a Raposa:     trecho do filme

 E nesta tarde de domingo chuvosa e fria, nada melhor que ver um bom filme. Já perdi a conta das vezes em que revi "O Pequeno Príncipe". E todas as vezes que o revejo, me sensibilizo com a pureza e ingenuidade do principezinho.
 Um filme a princípio direcionado a crianças e adolescentes, mas que encanta também os adultos pelo seu teor poético e filosófico.
Um dos trechos que me fascina é o diálogo entre a raposa e o pequeno príncipe. Emocionante e  muito rico de ensinamentos.

Assista aqui um trecho desse diálogo e  se emocione!





"Você se torna eternamente responsável por aquilo que cativa"

4 comentários:

  1. Que lindo isso,não é? beijos,linda semana,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu acho comovente o diálogo do pequeno príncipe com a raposa!

      Excluir
  2. Éxupery... volta e meia releio O Pequeno Príncipe e agora estou relendo assim aos poucos... deixo o livro no sofá e vez ou outra leio umas páginas. Há outros livros dele, raramente conhecidos no Brasil, e um dos que eu li é Voo Noturno; gostei muito tb. -- Sobre a frase escolhida para seu post, às vezes me ocorre que isso pode originar o nascimento de e/ou reenforçar a nutrição de um certo sentimento de culpa que pode ser carregado pela vida afora... mas isso daria assunto para muita reflexão... e mais conversa ainda.
    Paz

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como o principezinho q passou a se ressentir por não ter compreendido a rosa e por tê-la abandonado.

      Excluir