sexta-feira, 27 de setembro de 2013

Manhã típica de inverno...

Abro a porta pela manhã. Um vento gelado bate no meu rosto.
Uma manhã típica de inverno em pleno início de primavera.
Na rua, a primavera revelada nas cores trazidas pelos transeuntes.
Hoje foi preciso recorrer aos agasalhos já recolhidos no fundo do armário.
Uma variação colorida de mochilas, jaquetas e casacos momentaneamente enchem a rua de cores e alegria.
Ainda é muito cedo . Mães e babás acompanhando crianças e também jovens que se dirigem à escola.
Logo o movimento cessa. Como numa comunicação telepática todos saem de casa quase que ao mesmo tempo. E também todos se recolhem à mesma hora, cada um em sua sala, cada em seu respectivo prédio. Todos no mesmo polo estudantil.


Meu olhar se volta para o leste.
Hoje o sol resolveu brincar de esconde- esconde.
Visualizo apenas um clarão tímido e indeciso.
Vislumbro o clarão do sol tentando inutilmente dissipar a espessa névoa da manhã.. Uma névoa densa que parece amedrontar o gigante .
Mas nesta batalha já se sabe quem será o vencedor.
É claro que o sol vai voltar a brilhar outra vez
Prá mim, prá você
Prá nós todos...
E então vamos poder ver a primavera que sempre acontece na vida de cada um de nós. Mais cedo ou mais tarde, sempre haverá primavera.
Nunca deixe de acreditar! Confie!

São de Cecília Meireles estas palavras.
girassol do meu quintal

"A primavera chegará, mesmo que ninguém mais saiba seu nome, nem acredite no calendário, nem possua jardim para recebê-la. A inclinação do sol vai marcando outras sombras; e os habitantes da mata, essas criaturas naturais que ainda circulam pelo ar e pelo chão, começam a preparar sua vida para a primavera que chega".

 Escrever este post inspirou-me a ouvir a música de Renato Russo: "Mais uma vez"
Veja  o vídeo no próximo post 


Poderá também gostar de:


9 comentários:

  1. Olá, tudo bem? Ainda a primavera não chegou! Aqui em SP estamos no inverno.. Rs.. Bjs, Fabio www.fabiotv.zip.net

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É Fábio, pare q neste ano o frio não quer nos abandonar... É como eu te disse: a primavera revelada nas cores dos agasalhos hehe...

      Excluir
  2. A primavera no Sul parece ir e voltar,sr Saí do RS com muito frio e agor, no Nordeste, bastante sol, calor... Linda foto e palavras da Cecília! BEIJOS PRAIANOS,CHICA

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vc q é felizarda heim? hehehe... poder trocar assim de estação.... hahaha

      Excluir
  3. "É claro que o sol vai voltar a brilhar outra vez."
    --Vivemos pura ilusão, não é mesmo? O sol não deixa de brilhar... as nuvens que temporariamente o escondem dão-nos a percepção de que o sol deixa de brilhar... é como ver o mundo através dos olhos com catarata... as nuvens passam delá pracá no céu... a catarata pode ser operada... Ilusão, nada mais do que ilusão, é a vida...
    abraço grande,
    Paz

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso mesmo Paz, o sol sempre voltará a brilhar. A escuridão pode vir, mas pela manhã vem o sol, mais dia menos dia... Basta ser paciente,mas muitas vezes pecamos pela impaciência...

      Excluir
  4. Você já leu algum romance de Rosamunde Pilcher?
    Ainda em setembro, indico "Setembro" ... um dos belos romances que ela escreveu... e vc se lembra do filme comédia-romântica "Quando setembro vier" Gina Lollobrigida e Rock Hudson?

    No mais, pra incrementar suas leituras, veja a relação dos livros de Rosamunde Pilcher publicados em português http://pt.wikipedia.org/wiki/Rosamunde_Pilcher e o filme, de mesmo nome do romance "Catadores de Conchas" vai te encantar... rola por aí em DVD.
    abraço, grande abraço,
    Paz

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá paz, obrigada pela dica. Vou anotar o nome de filme e a autora Rosamunde Pilcher, a qual ainda não conheço. Mas sou curiosa e sempre levo em consideração as dicas de leitura e livros que me passam.
      Hoje mesmo assisti , ou melhor "revi" "A corrente do Bem ", um filme que emociona. Ainda vou falar sobre ele aqui. Bjs

      Excluir
    2. Você vai ficar encantada com a escrita de Rosamunde Pilcher. Sobre o filme "A Corrente do Bem" eu nada sabia. Então, após ter seu comentário, fui pesquisar. O enredo me interessou bastante e na minha pesquisa descobri que o filme é de um romance do mesmo título --Pay it forward-- em ingles. Catherine Ryan Hyde, escritora americana contemporânea, é a autora... e acabo de descobrir tudo isso aqui, através de você. Obrigada!
      Paz

      Excluir