sexta-feira, 6 de dezembro de 2013

Natal solidário

momento 2012/ natal solidário com idosos.
 A finalidade de estar ali naquele bairro,  era convidar alguns idosos  para participar do  Almoço de Natal que acontece todos os anos , com a participação de idosos dos 4 cantos da cidade, coordenado por uma senhora da comunidade.
Nada grandioso, mas a beleza do gesto é o que importa.
 São alguns momentos de descontração e acolhimento oferecidos com todo carinho àqueles que  por vezes sentem-se esquecidos.
  Complementando o almoço, levam também  uma pequena doação de alimentos para  partilhar com os que ficaram em casa.

A minha participação é pequena, mas me deixa feliz ver a felicidade dos velhinhos ao receber o convite.
 Vejo no brilho de seus olhos e no sorriso de canto de boca  a alegria  que não se consegue conter...
 Uma senhora foi logo chamando a comadre que mora porta com porta: "Ó comadre, venha cá. Dona Edite veio convidar a gente."

 Uma frase que demonstra toda alegria talvez contida e esperada durante todo o ano pela repetição do momento. Sentem -se parte desse grande e único momento que é o Nascimento do Menino Deus. Todos, uma grande família unidos pelo mesmo divino acontecimento:

O nascimento do Menino Deus que "desceu do trono os poderosos  e despediu os ricos de mãos vazias. O menino Deus que exaltou os humildes  e sua misericórdia se estende de geração em geração"

Daquele momento de minha visita  até sábado, dia do grande encontro , é só expectativa. É pensar na "melhor roupa" a vestir, no banho perfumado, no "luxo" de ter uma condução à porta que os conduzirá até o local do evento.

 Em cada canto da cidade haverá um voluntário disponível com seu automóvel  para transportá-los .
 A mim, coube a Barra Funda.
 A alegria não é só deles. É  minha também...


" Na vida passamos por três fases: 
A primeira quando acreditamos em Papai Noel
 A segunda , quando deixamos de acreditar
 A terceira , quando "somos" Papai Noel"


Poderá gostar de:

4 comentários:

  1. Apois, Dona Edite, acho honorável sua participação em eventos de cunho social como esse relatado no post. Que seu coração não mude e que sua disposição não se esmoreça!
    abrc Paz

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A ideia não é fzer nada notável com o intuito de receber menção honrosa. Trata-se de acolher o próximo, fazê-lo sentir incluso entre todos os filhos de Deus.
      Ah, lembra da vozinha do cobertor? Ela tb está convidada. Veremos se vai aparecer.

      Excluir
  2. Que linda essa solidariedade em fazer a alegria desses velhinhos! Legal! beijos,lindo fds!chica

    ResponderExcluir
  3. é sempre bom dar um pouco de nós .
    "Dar o pouco que se tem , a quem tem menos ainda
    Enriquece o doador
    Faz sua alma ainda mais linda"
    Lembra dessa canção?

    ResponderExcluir