terça-feira, 9 de setembro de 2014

FÉRIAS NA CASA DA VOVÓ



Bem , meus amigos, depois de muita agitação a casa começa a voltar à rotina antiga.
Foram quinze dias de muita alegria e diversão. 
Muito riso, comidinhas ao sabor de cada um , acordar com beijos e abraços afetuosos dos netos , o dedinho da Maria Eduarda já desde muito cedo apontando pra porta...E me dando os bracinhos, porque a vovó era a única que tinha paciência em fazer “demorados passeios" pelo quintal atrás do bichano. 
Mas quem resiste àqueles bracinhos roliços e o olhar pidão? Claro , nesses dias ela não deu sossego ao bichano e desvendou todos os cantinhos da casa e do quintal.

prá ver o bichano vale tudo! Ai ai ai... ninguém segura essa pequerrucha...

Eu nunca tive essa convivência com meus avós. Aliás, eu nem os conheci. Mas quando meus filhos e netos chegam , tudo é preparado com muito carinho na intenção de que sintam-se confortáveis e acima de tudo sintam -se pessoas especiais.

A mesa posta quase praticamente o dia todo servia de desculpa para colocar a conversa em dia, enquanto no quintal a criançada se divertia 
Porque na casa da vovó "quase tudo” é liberado.
Então a criançada fica livre para esparramar os brinquedos no quintal
não são lindas minhas princesas?

momento ternura...

 
e este é meu príncipe ! Já é um homenzinho e adooora chocolate. Mas na casa da vovó pode todo dia e "quase toda hora"
Pedir para molhar as plantas no canteiro, quando a verdadeira intenção é... molhar-se na chuvinha fina da mangueira..
fazer bolhinhas de sabão, quer dizer, “bolhas enormes” com aquela receita caseira que a mamãe achou na internet...

e depois do lanche da tarde com pão de queijo quentinho, bolo de chocolate,brigadeiro e e outras guloseimas, é certo o passeio no sítio...
lanche da tarde com a amiguinha Giovana

_ andar a cavalo, dirigir o trator... conhecer a plantação de mandioca...o pé de romã carregadinho … dar comida às galinhas … e etc etc...

Sem falar nas pipas que garantiu também muita diversão tanto no sítio, quanto no campinho. Aliás, o titio é perito em confeccioná-las e ficava horas limando varetas, cortando papéis coloridos para deixá-las bem lindonas com uma bela rabiola...



O improviso da festa de aniversário da Rafa que rendeu além dos presentes, muitos beijos e abraços
e completar seis anos merece um troféu, vocês não concordam? Pois bem ,mais  um sonho realizado, presente da tia Emília. Com direito a nome e data gravados. Ela adorou... Coisas de criança!



É , na casa da vovó é assim... muita ternura e amor. E até decisões um pouco ousadas...
 E não é que me aventurei a acompanhar sozinha essas duas meninas queridas à academia de lazer e saúde? Mas me vi em papos de aranha,porque ... quem segura essas pequenas?

Vejam onde foi parar a mais velha! Pulou, pulou até que consegui segurar na barra mais alta . E como se não bastasse , escalou até o pico.. e eu embaixo cruzando os dedos para que ela não caísse...Seria eu a medrosa e insegura ou a netinha aventureira demais?
cuidado Gabi!!1 Ai ai ai essa menina me deixa nervosa...
e ainda tenta ajudar a caçula a realizar a mesma façanha. Ninguém segura essas meninas !

E a vovó foi clicando, clicando.Porque momentos assim precisam ser eternizados. É gratificante quando eles chegam e veem alguns desses momentos eternizados em fotos  que mandei revelar e coloquei no painel que tenho no meu quarto. O Lucas adora e  pelas fotos acompanha seu crescimento. Aqui eu tô "gande" ele diz. A Maria Eduarda então aponta o dedinho e fala "nenê, nenê"

hora do relax...

pequenos construtores...
carinho, acolhimento...
o que será na TV???
Já sei brincar de casinha...desde pequenininha o instinto feminino se revela...

Obrigada Deus, por me permitir participar de momentos tão belos e inesquecíveis!





13 comentários:

  1. Que amores! Lindos netos e esses momentos são maravilhosos! Valeu.né? Fica vazio, fica a saudade quando se vão! bjs, chica

    ResponderExcluir
  2. Oi querida, vim lhe desejar uma ótima semana, beijos e fique com Deus!!

    ResponderExcluir
  3. maravilhosa visita em dose dupla...
    crianças saudavelmente sapecas...
    alegria... alegria...
    Paz

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi tudo muito bom... a alegria suplantou qualquer ameaça de cansaço.
      Espero poder reuni-los novamente no próximo ano.Enqto isso vamos nos curtindo on line. Abcs

      Excluir
  4. A mesa quase posta todo o dia... que bom... para haver sempre conversas e um biscoitinho...

    faltou apenas aparecer alguém nas fotos :) que com todo o direito devia ter aparecido :)

    beijinho amigo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, Daniel , mas eu é que sou a fotógrafa. E fico clicando aqui e ali. Não dou sossego... rssss........Amo fotografar meus netos...E, afinal são eles as estrelas...

      Excluir
  5. Sua felicidade é transparente. Não poderia ser de outra forma, porque me sinto assim quando perto de meus sobrinhos, principalmente os pequeninos sobrinhos netos. É difícil negar algo a eles. Um não gosta de ser fotografado, mas insisto, ainda que haja caretas e cara feia (kkk). O outro até faz pose. Merece mesmo um agradecimento a Deus a vivência desses dias mágicos. Bjs.

    ResponderExcluir
  6. Oi Edite,
    Quantos netinhos! Eu não tive filhos, adotei um eu tinha 35 anos e hoje com 31 e solteiro. Acho que não vou ver netinhos." pelo andar da carruagem"
    Que Deus dê saúde a todos.
    Beijos
    Lua Singular

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oh Dorli, não desanimes não. A vida prepara surpresas. Bjs

      Excluir
  7. Olá, tudo bem? Quanta criança!!!!!Olha só... Quero um pedaço desse bolo hein... Sou viciado em bolo kkkkkk. Bjs, Fabio www.fabiotv.zip.net

    ResponderExcluir
  8. Olá, querida Edite
    Que maravilha é a nossa condição de vó coruja!!!
    Felicidade com os seus netinhos...
    Bjm fraterno

    ResponderExcluir
  9. Haja folego para aguentar o pique da criançada, mas vale a pena! E quando crescerem fica as lembranças desses momentos lindo e a imensa saudade!!!
    Abraços
    Nely

    ResponderExcluir