terça-feira, 30 de dezembro de 2014

Momentos eternizados na memória e no coração

Se tu vens, por exemplo, às quatro da tarde, desde as três eu começarei a ser feliz. Quanto mais a hora for chegando, mais eu me sentirei feliz. Às quatro horas, então, estarei inquieto e agitado: descobrirei o preço da felicidade! Mas se tu vens a qualquer momento, nunca saberei a hora de preparar o coração... "( trecho do livro "O Pequeno Príncipe)


A Felicidade começa na véspera
Lembrei-me desse trecho do livro “Pequeno príncipe” para ilustrar com clareza e veracidade a ansiedade que toma conta de cada um de nós às vésperas de qualquer evento importante , do qual seremos protagonistas.
E qual avó não fica feliz na iminência da chegada dos netos que não vê há meses? Ainda mais quando a vinda é para todos juntos partilharmos esse sublime momento do Natal de Jesus.
Tudo precisa ficar perfeito! São os brinquedos trazidos pelo papai Noel, os arranjos natalinos que precisam atrair a atenção das crianças incluindo a árvore de natal que tem que ser bem colorida e iluminada...
Ah, e as guloseimas também. Muito sorvete e chocolate prá desespero da mamãe e delícia das crianças...
 Antevéspera de Natal... eles estão prá chegar! A agitação aumenta. Últimos retoques, últimos preparativos.. . Última ida ao supermercado.. . tudo está no seu lugar...

A ansiedade parece ser recíproca. Quando o carro para no portão, o Lucas de longe já abre um sorrisão tão lindo e feliz que eu me perco nele. Desce rapidamente do carro e seu abraço é tão acolhedor e afetuoso que tudo parece sumir naquele momento. Ficamos os  dois ali abraçados , minutos que parecem eternos...Ah, eu queria que o mundo parasse e daquele abraço nunca me libertasse...
A magia se desfaz... agora é correr para ver o quintalzão da vovó prontinho para as brincadeiras da garotada....a “caminhonetona” do vovô pronta para as aventuras no sítio.

Maria Eduarda , dentro de seus 18 meses , a princípio parece um pouco fora de contexto. Afinal , foram poucas as vezes que viu a vovó neste curto espaço de tempo. Mas , parece ter memória fotográfica e assim que vê o quintal e o portãozinho que a leva até o bichano no quintal ao lado, já me pega pela mão para conduzi-la . Sabe que o bichano está por ali. Então já se sente em casa....

E assim, foram cinco dias de muita alegria, muita vida compartilhada, muito riso , brigas e choros também. Porque quem disser que dois irmãos nesta faixa etária não brigam está mentindo.
Brigam,disputam, choram , se estapeiam , mas não se largam...E os adultos se esforçando para fazer julgamentos justos:" Quem pegou primeiro o brinquedo, de quem é a vez de sentar na cadeirinha , de quem é colo desta vez … etc, etc,. E , a Maria Eduarda como menorzinha, mas esperta se aproveita da situação deixando o Lucas desesperado porque não pode montar seu brinquedo sossegado sem que a irmãzinha desmanche...."
É um Deus nos acuda....E neste clima alegre, mas às vezes agitado , o tempo passou muito rapidamente. A casa ficou vazia , tão vazia que o silêncio chega a incomodar .| Não há mais brinquedos esparramados pela casa , a vozinha do Lucas me chamando: “vovó”... hoje vou dormir aqui na sua cama...vovó, posso comer chocolate? "vovó , quero torta de banana ..."
E a Maria Eduarda me puxando pela mão para o passeio rotineiro atrás do bichano...
Poucos dias , mas vividos em grande intensidade!






2 comentários:

  1. Realmente é bem assim! Lindos momentos vividos e que lindas fotos! Parabéns!Depois fica um vazio,né? beijos, FELIZ 2015! chica

    ResponderExcluir
  2. Foi um privilégio caminhar a seu lado no decorrer desse ano .
    Estou passando na minha última visita de 2014 e
    agradecida por um dia ter conhecido uma
    pessoa tão maravilhosa como você.
    Nunca terei como agradecer seu companheirismo
    que fez você ser tão espacial para mim.
    Que essa amizade compartilhada no percurso
    de mais um ano seja a alavanca para prosseguir em mais um ano.
    Desejo um ano novo de grandes conquistas sonhos que se realize paz e esperança .
    Sem despedidas deixo um encontro marcado para compartilhar novos momentos...
    Agradeço esse presente divino que tem o nome de amizade.
    Feliz Ano Novo.
    Até nosso próximo reencontro em 2015.
    Beijos ternos e carinhosos.
    Evanir.
    Sim os momentos são lindos!!

    ResponderExcluir