domingo, 13 de abril de 2014

A ultima grande lição: resenha do filme


Este filme foi a mim indicado pela amiga Paz, leitora assídua deste blog. Um filme realmente encantador e que nos faz entender  quais são os verdadeiros valores da vida, o que realmente importa.

Vale a pena conferir.

 

O filme: "A ultima grande lição"
Resenha
Em nosso periodo escolar sempre há um professor que nos marcou por alguma razão. Seja por seu bom humor, sua facilidade em transformar a materia em algo tão agradável de aprender que mais parecia uma viagem, ou pelas lições que conseguia passar indo alem dos livros.
Assim era Morrie, antigo professor de Mitch nos tempos de Universidade. Mitch, agora era um  bem sucedido jornalista esportivo e Morrie, um apaixonado pela dança . Assim aproveitava seu tempo. Dançar era seu passatempo favorito até que uma doença degenerativa o surpreende . Mesmo a cada dia mais limitado  e com muitas dores, Morrie não  perdeu a lucidez e em seu rosto sempre havia um sorriso. Determinação,  força e coragem mantinham aquele homem resignado  com sua condição terminal . Costumava dizer:"Se você aprende a morrer, você aprende a viver"
E foi assim que Mitch encontrou seu antigo professor. Por dentro uma pessoa que se consumia a cada dia pela doença que não perdoava. Consciente de sua fase terminal, mas ainda rica em ensinamentos, lições que Mitch acolheu e que lhe favoreceu uma mudança de vida.
Foi difícil, mas Mitch apesar de sua agenda cheia de compromissos conseguiu um tempo para visitar semanalmente seu querido mestre. Os encontros aconteciam todas as terças-feiras em memória aos tempos de aulas que ocorriam no mesmo dia. Só que agora as aulas fugiam do padrão universitário.  Os ensinamentos de Morrie agora vinham da alma, do coração sofrido.   Eram aulas"onde o tema era a vida ", seus valores, família, emoções, dependência e sua aceitação.
Mitch, engolido diariamente pela rotina estressante, nao se permitia um tempo para si mesmo, muito menos para ficar próximo da pessoa que significava algo para ele.Amava sua noiva, mas o trabalho vinha sempre em primeiro lugar.
A troca de experiências com seu professor o levaram a mudar sua maneira de encarar a vida. Em sua fase de vida terminal, Morrie paradoxalmente  ensina a viver.
 Mostra que a vida e feita de pequenos momentos que muitas vezes sao engolidos por outras preocupações.
A questão da dependência fisica é um tema abordado de forma clara no filme. Assim como o valor da familia , os cuidados finais com o paciente, a presença e o apoio de familiares são fundamentais enquanto há vida.O quanto é importante a conquista de afetos, o perceber o outro, seus medos e anseios.
"Amem-se uns aos outros ou pereçam, ", dizia o professor colocando sempre o amor, a compaixão, a solidariedade como condição de vida plena.
"Na vida, nunca é tarde demais" para entender e melhorar o curso da mesma.
O importante é aprender a amar e a receber o amor.
.

Um filme que nos leva a refletir sobre o que realmente importa na vida.
************************************************************************
Deixo aqui o link do youtube ,caso o leitor se interesse pelo filme.


Peço desculpas ao leitor que já esteve aqui. Como postei o texto de um dispositivo android e pela não familiarização com o mesmo, não consegui "colar" o link anteriormente.
 Quero acrescentar também que o filme foi baseado numa história real entre Mitch e seu professor Morrie. Nas 13 últimas terças feiras  em que o visitou foram gravados trechos das lições que também foram reescritas em livro: Tuesdays witch Morrie ( terças -feiras com Morrie), o qual gostaria de ler se tiver oportunidade. 

 


 






14 comentários:

  1. Filme maravilhoso esse e tão bom quando os encontramos! bjs, linda semana,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente Chica, foi um presente receber essa dica de file. Bjs

      Excluir
  2. Olá Edite,
    Um filme que merece ser visto...
    a sinopse é ótima.
    Quem não teme a morte, consegue aproveitar muito mais a vida.
    Bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Uma grande lição de vida para esses tempos onde impera tanto egoismo . Bjs

      Excluir
  3. E, acima de tudo, não é ficção. O verdadeiro Morrie existiu e Mitchell David "Mitch" Albom, o aluno, tem 55 anos e continua mantendo uma coluna num jornal de prestígio, é roteirista, escritor e por aí vai. Há videos no Youtube com o verdadeiro Morrie dando entrevista na TV em duas fases da sua enfermidade.

    Além do livro que deu o filme do post, aqui vão outros livros de Mitch Albom que tb derão filme:
    - As Cinco Pessoas que Encontramos no Céu -- Encontramos Eddie, um senhor idoso que trabalhava na manutenção de um parque de diversão.
    - Tenha um Pouco de Fé -- O livro vem sendo usado por grupos religiosos e não religiosos nos EUA, em discussões sobre fé e como inspiração para diálogos de interfé (diferentes religiões), caridade e projetos de serviço para a comunidade . O enredo não é ficção. Assim como Mitch transportou para a literatura seus encontros com Morrie, nesse seu terceiro livro ele trata de conversas que teve com dois religiosos, um judeu e um cristão. O rabino judeu já morreu e no livro Mitch apresenta a eulogia que ele fez qdo do funeral.

    Bem, até então eu não sabia do terceiro livro e filme... descobri qdo fui pesquisar para comentar sobre o post... já sei que vou ler Tenha um Pouco de Fé... tem muito a ver com seu blog, hein Edite?

    Resumindo, os três livros de Mitch Albom e tb filmes: 1. A Última Grande Lição; 2. As Cincos Pessoas que Encontramos no Céu (ficção); 3. Tenha um Pouco de Fé.
    - Creio que no Brasil os livros dele passam despercebidos pq estão classificados como auto-ajuda e o preconceito aí, infelizmente, ainda é grande para com livros de auto-ajuda.
    Paz

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se seguir o mesmo estilo, com certeza será um grande sucesso. Não pude deixar o link do YouTube antes pq ainda não estou bem familiarizada em postar do dispositivo Android.. Então agora voltei para esclarecer pontos que haviam ficado obscuros. Abcs
      Mas eu só tenho a agradecer pela dica. Realmente um filme completo e leva a refletir sobre a vida e seus entraves.

      Excluir
  4. Eu quero ver esse filme! Obrigada pela dica! Obrigada pela companhia na Via Sacra. Que você tenha uma abençoada Semana Santa! Bjks Tetê

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito bom Tetê. o youtube é uma opção. Bjs

      Excluir
  5. Oi Edite, fiquei com vontade de ver o filme!
    Adorei a resenha! Beijos e boa semana, bom domingo!

    ResponderExcluir
  6. Você não irá se arrepender Arione. Desculpe não ter deixado o link antes.

    ResponderExcluir
  7. Oi Edite! Sempre é tempo de aprender a importância do que realmente importa. Beijo e ótima semana!

    ResponderExcluir
  8. Penso que é um excelente filme pelo que nos contou, Edite!
    Muitas lições de vida!
    Uma Boa semana... Beijo

    ResponderExcluir
  9. Concordo plenamente, Anete e Renada: Na vida sempre há tempo para novos aprendizados. Nunca é tarde demais, como dizia Morrie. Bjs.

    ResponderExcluir
  10. Olá Edite!
    Boa noite!
    Uma maravilhosa resenha, gostei tanto que estou acessando o link pra dar uma olhadinha. Gosto de história baseada em fatos reais, são grande ensinamento, e sempre estamos aprendendo com lições e exemplo de vida.
    Obrigada por compartilhar .
    Desejo uma excelente páscoa a você e todos os teus.
    Um abraço com carinho!
    Ótima semana!

    ResponderExcluir