terça-feira, 21 de outubro de 2014

Conheça Seu Sebastião, gente que faz!




Tem gente que faz mesmo a diferença. Tem gente que já deve nascer com uma proposta de vida definida por Deus. Um compromisso doce de passar adiante o seu desejo de acreditar em um mundo melhor. Algo como um manual debaixo dos braços para não esquecer nenhum lembrete divino” (Geisa Araújo, cronista)

Sempre que vou falar de algo que me encantou pela nobreza do gesto, pela capacidade de se doar em prol do próximo, independente de suas necessidades e condição financeira , eu uso o enunciado acima.
São palavras que definem pessoas com um olhar mais aguçado à sua volta, digamos, um olhar dotado de sensibilidade e desejo de transformação.
Vontade de transformar , todos temos. Quem não gostaria de um mundo com menos injustiças, exclusões . Mais compassivo e menos individualista e sem imediatismos.
Sim, porque o resultado dessas pequenas ações não se vê da noite para o dia. É um trabalho de formiguinha, trilhado passo a passo com muita coragem , determinação , desapego e convicção do que se pretende.
Assim é Seu Sebastião, um senhor com mais de 60 anos que há mais de vinte anos trabalha como catador de lixo nas ruas de Olinda, Pernambuco.
É órfão desde os 4 anos de idade, casou-se no nordeste e hoje tem sete filhos, todos bem criados e encaminhados na vida. É um exemplo para a família. Tudo com o trabalho de Seu Sebastião que ganha 20 centavos por cada quilo de plástico reciclável. Até aí, nada de anormal. Apenas um homem simples e honesto que apesar das dificuldades conseguiu educar os filhos longe da bandidagem.
Mas seu Sebastião não fica só nisso não. Enxerga longe , sensibiliza-se com a necessidade do próximo e faz sua parte como “empreendedor social”. Ajuda sua comunidade como pode, nos transportes a doentes, medicamentos, funeral,alimentos e até cadeira de rodas disse que já conseguiu.
Para fechar com chave de ouro, a iniciativa de Seu Sebastião foi mais longe. Conseguiu um barracão , onde acolhe 70 crianças de 2 a 6 anos de idade, onde 3 professoras ministram os princípios básicos da alfabetização. Funciona também ali grupos de capoeira e de judô., contando apenas com a contribuição de 20 reais de cada aluno para ajudar nas despesas.
São de Seu Sebastião , catador de lixo, semianalfabeto estas palavras:
"Estou ensinando o que não aprendi, colocando em um caminho que Deus ajude e eles sejam bem iluminados na frente"
Com os 25mil reais que ganhou no quadro “Agora ou Nunca” do Caldeirão do Huck, Seu Sebastião vai reformar a escola comunitária “Nova Esperança”criada por ele, que a mantém há 20 anos , contando apenas com a “mensalidade” dos alunos e ajuda da comunidade revertida em lixo reciclável para aumentar sua renda.
Seu Sebastião é gente que faz!!!
Este é Seu Sebastião, sorriso franco e aberto , demonstrando a humildade e sabedoria  daqueles que se deixaram "capacitar" por Deus.
Poderá conferir a história de Seu Sebastião no link abaixo, inclusive com o vídeo da gravação do programa


"Pequenas ações transformam vidas, reconstroem caminhos, fortalecem relações, fazem brotar a esperança...."

6 comentários:

  1. OI EDITE!
    VI O PROGRAMA DO HUCK, NO DIA EM QUE SEU SEBASTIÃO ESTEVE LÁ, REALMENTE UM GRANDE EXEMPLO, MOSTRANDO QUEM QUER FAZ, MESMO DESPROVIDO DE MEIOS ELE VAI A LUTA E DÁ O POUCO QUE TEM, BUSCANDO NO MUITO DE AMOR QUE SEU CORAÇÃO POSSUI.
    LINDO POST, AMIGA
    BRÇS

    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seu Sebastião é o tipo de pessoa que nunca imaginamos existir. Afinal, catador de lixo muitas vezes é discriminado pela sociedade. Seu trabalho é digno, mas não reconhecido. O bonito é ver como ele faz dessa humilde profissão uma coisa tão rica e nobre. Cabeça erguida, satisfeito seu SebastiãO É CONSCIENTE DO SEU PODER DE TRANSFORMAÇÃO. bJS.

      Excluir
  2. Que lindo!! Se estas boas atitudes fossem contadas mais vezes nos noticiários, ao invés de só violência tenho certeza que seríamos movidos a também fazer a diferença.
    Obrigada por compartilhar. Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É o que penso. Bons exemplos não dá IBOPE. É a luta pela audiência. Então quanto mais catastrófica a notícia , mais se degusta. Infelizmente.

      Excluir
  3. Boa 6ª feira, Edite!
    Sabe, no meu quadro o seu post ainda não está atualizado c este último! Vim p desejar um bom fim de semana e encontro uma linda história de vida!... Gostei muito!...

    Um abraço...


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente já notei que tem alguma coisa errada com meu blog, mas ainda não descobri como resolçver. A história d4e Seu Sebastião realmente me emocionou. Tanto desprendimento e preocupação em ajudar quem tem menos que ele, comove. Bjs,

      Excluir