quarta-feira, 29 de outubro de 2014

Grandes Esperanças : resenha do filme

 


 Ouvindo comentários sobre o filme “Grandes Esperanças” de Charles Dickens fiquei curiosa em assisti-lo. Lembro-me de ter lido apenas um romance de Charles Dickens, na minha adolescência. Apenas o nome,as aventuras de “David Copperfield” ficou-me na memória como uma boa recordação de leitura.

Grandes Esperanças”, faz o gênero drama , baseado no livro do mesmo nome e que continua sendo um clássico de sucesso.
Sinceramente, gostaria de lê-lo , mesmo tendo assistido ao filme. Acontece que as emoções extravasadas nos livros dificilmente são percebidas quando a obra é transformada em filme. Alguns detalhes ficam confusos e outros imperceptíveis.
Pelo que li de opiniões de leitores , o autor consegue extrair cenas cômicas até de um momento de agressão infantil , violências ou sarcasmo de Pip, o que não acontece no filme que dá sempre uma impressão de suspense.

Pip, abreviatura de Phillip Pirrip, alcunha que ele mesmo escolheu pela dificuldade em pronunciar o próprio nome, é um órfão criado pela irmã mais velha Mrs Gargery e seu esposo Joe Gargery.
Phillip é dócil, calado e sempre amedrontado, temendo as reações truculentas e os gritos da irmã que o julgava um peso morto. Já Joe, era a figura paternal amiga e conselheira . Representava um oásis em meio toda aquela sequidão familiar.

Por um bom tempo do filme sinto Pip uma criança sem voz , sendo levado docilmente onde coubessem os interesses de sua irmã, que vendo nele um peso , com sua mente maquiavélica arquitetava uma maneira de colocá-lo sob a responsabilidade de algum benfeitor.
E assim o filme vai nos colocando diante de personalidades maniqueístas ,vingativas, interesseiras, maldosas, e ,submissas como Pip. Apenas , Joe, o ferreiro era um simples trabalhador que apenas queria Pip perto de si e ambicionava para ele também a humilde profissão de ferreiro , vivendo ali juntos naquela pequena aldeia fria, inóspita e pobre , mas aquecida de seu amor e simplicidade.

A trama transcorre com Pip se defrontando com diversas situações de medo, submissão, revolta e finalmente ambição em crescer culturalmente para conseguir o amor de Estela, jovem bela , mas fria e calculista , moldada sob a disciplina rígida e vingativa da Sra Havisham,
Movida por um desejo de vingança que acalenta há 20 anos , a Sra Havisham adota Estela para treiná-la a desencorajar os homens que por ela se apaixonassem . Estela sabe que é usada pela tutora  para se vingar do abandono do noivo no dia do casamento. Tudo pronto, a festa, o bolo, os convidados e o noivo apenas envia um bilhete de não comparecimento. E a Sra Havisham vive naquele castelo com seu bolo podre e vestida com seu vestido de casamento.

Pip também é convidado à casa para conhecer Estela e por ela se apaixonar e ser humilhado . Fruto de uma mente doentia.
E Pip é então, como um cordeirinho manso, introduzido no  castelo da Sra. Havisham pelas mãos de sua malvada irmã que teve grande influência na sua ida lá.
E a trama segue , com Pip agora , já mais crescido e tomado de paixão, deseja se igualar a Estela em cultura, conhecimento e cavalheirismo.

Uma herança deixada por um benfeitor desconhecido , que só é revelado no final do filme, possibilita a Pip  ir à   Inglaterra , para frequentar grandes salões de baile, conviver com a nata da sociedade, estudar e se tornar um cavalheiro.

Seguem-se cenas implacáveis e emocionantes, tais quais, o sentimento de aversão e desespero de Pip quando descobre que Joe vai visitá-lo em Londres, a vergonha que Pip sente quando ao voltar a sua cidade natal prefere ficar em um hotel do que na sua antiga casa, e a mais impactantes de todas, a clemência e o perdão que Joe tem para com o Pip mesmo após toda sua ingratidão

Também emocionante a reação de Pip ao descobrir que sua herança não vinha de uma fonte que julgasse honesta e digna, e ao descobri-la, pretende devolvê-la. 
Cara a cara com seu benfeitor , Pip então compreende uma série de acontecimentos passados e como um certo episódio de sua vida, onde em  criança fizera uma boa ação a um malfeitor, conduzira sua vida até ali.

Pode-se considerar um filme imperdível, embora tenha um começo de suspense, ficando morno em certa altura e tendo no desenrolar da trama um final surpreendente.
********************************************************************************
Conhecer um pouco da biografia de Dickens é interessante para que se compreenda a época em que o enredo se desenvolve.
Em resumo , Dickens quer nos mostrar, baseado em sua própria experiência, os perigos de uma ascensão social demasiado rápida.


( No livro , o narrador é o próprio Pip, caracterizando o autor)




3 comentários:

  1. Edite, boa 4ª feira!
    Li o livro e gostei muitíssimo, um dos melhores de Charles Dickens!! Seus livros sempre trazem lições belas de vida e caráter!...

    O filme deve ser bem bom mesmo!
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Agora também eu fiquei cheia de curiosidade!
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vale a pena ver o filme , ou ler o livro. Dickens emociona e traz gdes ensinamentos. Bjs

      Excluir