sábado, 3 de novembro de 2018

Horário de verão : Odeeeioooo....

5, 4, 3, 2, 1......

E já é horário de verão . Quem não adiantou o relógio , que se apresse . Uma hora a menos no nosso final de semana . Uma hora que fará falta , pelo menos prá mim , que não me acostumo nunca com esse famigerado horário .
Um adiantamento no relógio que agrada a muitos , mas que também complica a vida de muita gente .



 E o pessoal do ENEM, realizando as provas justo no primeiro dia do horário de verão ?! . Imagino o estresse desses estudantes que normalmente já vão para as provas em adiantado nível de ansiedade e nervosismo . 

"Com a confirmação de que o horário de verão começará no primeiro dia de prova do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), no dia 4 de Novembro, a recomendação é que os estudantes entrem no ritmo do novo horário, dormindo uma hora mais cedo, cerca de uma semana antes, para não serem prejudicados na hora da prova.
A gente orienta os alunos a três, quatro dias antes do ENEM, começarem a ajustar horário do sono. Uma coisa é chegar nervoso, outra é chegar cansado”, diz o professor de língua portuguesa do Colégio Único, Marcelo Freire.

Todos os anos sempre ouvimos alguns casos de atrasos na chegada , portões quase fechando e outros estudantes que dão de cara com o portão fechado por segundos de atraso . Uma correria só !!!

Amanha , então ? ou melhor , HOJE!  Sinceramente espero que tenham um bom desempenho , apesar da "uma hora a menos de sono ",que gera cansaço, irritabilidade, mau humor e certamente refletirá  na avaliação das questões.


Pesquisas mostram que o tal horário,  apesar de ter sido adotado por uma boa causa: economia de energia em horários de pico, causam mais mal à saúde do que o benefício gerado com a tal economia de energia elétrica.


Para saúde, a situação ainda piora. “O organismo fica completamente desequilibrado. Estudos apontam sintomas indesejados como dores de cabeça, aumento da fadiga, taquicardia, diminuição de rendimento nos estudos e no trabalho, principalmente em pessoas com mais idade”,

Quem assim se pronuncia é o parlamentar Valdir Collato , autor do projeto de lei que quer a extinção do horário de verão:

Projeto de lei quer o fim do Horário de Verão

Chapecó 10/10/2016 – Em tramitação na Câmara dos Deputados, o projeto de lei 397/2007, de autoria do deputado federal Valdir Colatto (PMDB-SC), quer extinguir o horário de verão. Neste ano, os relógios serão adiantados em uma hora na virada do dia 16 para 17 de outubro nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste e permanecerá até 19 de fevereiro de 2017.

 “Mais uma vez se prejudica a saúde das pessoas com uma medida de pouco ganho na economia do país”, destaca o autor do PL.
Conforme o parlamentar, os trabalhadores rurais são os que mais relatam as consequências do horário diferenciado. O desconforto que a adoção deste horário acarreta é experimentado por todos que são obrigados a acordar mais cedo, incluindo as crianças em idade escolar
Uma das medidas propostas pelo parlamentar e que pode solucionar o alto consumo de energia é o desenvolvimento de ações permanentes do governo que possam orientar e educar a população brasileira sobre o uso consciente de energia nos horários de ponta, das 18 horas às 21 horas.

Atualmente, a proposição de autoria do deputado Valdir Colatto está na Comissão de Seguridade Social e Família. Se aprovado, segue para as Comissões de Minas e Energia e Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados.

Eu venho ouvindo falar sobre esse tal projeto de Lei , já há alguns anos . Mas ele nunca sai do papel .
Enquanto esse dia não chega,  vamos ficando iludidos com os benefícios da noite estendida,nos acostumando com o desconforto do dia , acordando com as galinhas... e torcendo para Fevereiro chegar...



Já "acertou" seu relógio ?






Encontros e desencontros : Uma dor pungente

CORAÇÃO SOFRIDO



Hoje eu preciso escrever e falar da dor que vai aqui dentro do meu peito . Uma dor que há anos me machuca, mas que eu procuro disfarçar protegendo-me como posso , ultimamente fazendo-me ausente da presença de minha filha . Era tanto o sofrimento por  ela a mim impingido , que carcomida por dentro , ralada e esfolada por fora resolvi dar um basta . Se antes eu procurava entendê-la , oferecia-lhe minha amizade e afeto de mãe , procurava fazer-me presente, mais eu entendia que minha presença a irritava . Pior ainda , a fazia ficar colérica e agressiva contra minha pessoa . 

Muitas aproximações tentei . Em nenhuma fui aceita . Enquanto eu procurava entendê-la e fazer-me compreender , mais nos distanciávamos , Tivemos contendas e discussões inimagináveis entre mãe e filha .
Quando um relacionamento entre mãe e filha vai se tornando difícil , esbarramos em limites
intransponíveis . Sentimos que a ruptura é inevitável .

Procurei ajuda de psicólogos e psicoterapeutas na tentativa de buscar uma solução para nosso relacionamento . E tudo que ouvi diante do que foi relatado é que ela talvez possa ter TPB : transtorno de personalidade “borderline”,  e o foco de sua ira é descarregado em mim. Ela , segundo esses terapeutas é quem precisa de uma terapia para resolver seu relacionamento comigo .

Tive minha filha aos 30 anos , já madura . Foi uma gravidez dentro da normalidade , eu optei pela segunda gravidez após 6 anos e meio , idade que tinha meu filho mais velho na época de seu nascimento . Foi um bebê esperado e muito amado . Quando soube que era uma menina fiquei feliz , imaginei nossa amizade , nossas confidências e segredos ao pé do ouvido . Nosso companheirismo... Pensei em sermos mais que mãe e filha …

Desde pequena teve personalidade forte , ao mesmo tempo em que demonstrava insegurança e timidez diante de outros . Uma infância entre pequenos conflitos familiares , coisa que tantas outras crianças também passam e sabem conviver bem com eles ., assim como meu outro filho que é excelente, muito afetivo e preocupado comigo .

Chegou a pré adolescência e eu até hoje espero que ela saia da crise adolescente . Não houve crescimento interior , não houve maturidade . Hoje ela , mãe de duas crianças de 5 e 7 anos continua uma ameaça à minha paz e tranquilidade.

Agora ela é uma mulher madura . Lutei anos para conquistar sua confiança e amizade , para ficarmos juntas , mas houve um momento em que precisei dizer “BASTA”!

Sempre houve momentos difíceis , mas procurei superá-los todos . Rendendo-me aos seus caprichos , às suas falsas verdades e interpretações dos fatos .
Depois de tantas tentativas frustradas, muitas lágrimas e agressões , percebi que o melhor seria a gente se afastar . Aliás, afastar mais o quê , a separação já estava praticamente selada . Só faltava eu me conscientizar dela .

Há uns três anos ela vem à minha casa , mas não fala comigo . Só vejo as crianças quando ela os traz aqui. Não deixa que eu fale com eles por telefone e nem por vídeo . Hoje mesmo ela se negou a deixar-me vê-los . Maria Eduarda , sofreu uma pequena queda na escola e fraturou a clavícula . Queria vê-la , demonstrar-lhe meu afeto de avó . Conversar com ela , com o Lucas . Ouvir suas vozes e ver seus rostinhos sorridentes . Mas , nem isso me é dado o prazer . Minha presença de avó está vetada.

Não consigo compreender tamanha dureza de coração . Não consigo imaginar em que momento da vida a feri tanto assim a ponto de gerar esse excesso de desprezo e ódio contra minha pessoa .
Em que esquina nos perdemos .Em que rua vamos nos encontrar,  se é que um dia isso seja possível . Coração de mãe é sempre generoso ,mesmo dolorido .E já disse várias vezes que no dia em que ela resolver me acolher de coração , eu estarei aqui como sempre estive , apenas me afastei para evitar maiores sofrimentos .

Somos duas mulheres , vítimas das circunstâncias da vida . Duas mulheres que não se entendem , apesar das frustradas tentativas . 
Culpados ? Quem somos nós para apontar o dedo uma à outra . Tudo virou uma bola de neve. Razões que o coração desconhece  . O que precisamos é saber contornar as possíveis mágoas e colocar o amor materno e filial à frente de tudo . Eu fico à espera de que esse dia aconteça , antes mesmo que eu dessa terra me despeça .

Lamento que nossa relação tenha chegado a esse ponto , mas não posso impor minha presença , muito menos obrigá-la a me amar ou me aceitar como mãe .



Este é o salmo que mais tenho repetido todos os dias 


sexta-feira, 2 de novembro de 2018

Finados : Dia de Saudosa recordação

 


Senhor, para os que crêem em Vós , a vida não é tirada , mas transformada .

A dor da perda não é só um momento passageiro, mas é algo que entra e começa a fazer parte da nossa história e nunca o vazio deixado por alguém poderá ser preenchido. É sempre vazio. Para nós, que temos fé, o nosso olhar se levanta para o céu, onde será a nossa morada eterna e onde todos nos reuniremos na grande família do céu onde, como a Igreja reza, não haverá mais choro e nem tristeza porque a visão de Deus preencherá o nosso coração.


O desejo de ver os que nós amamos, de estar com eles, é permanente. Por isso a Igreja teve sempre um amor muito grande para com os mortos e nos convida a nos unirmos em oração pelos nossos entes queridos buscando paz e esperança . Em nosso coração deve sempre ser evidenciada  a certeza de "somos pó e ao pó voltaremos "Nada mais restará da matéria que será substituída pelo prêmio eterno preceituado de acordo com nossos méritos .


O amor, quando é verdadeiro, não morre com a morte, ele continua presente em nós. A fidelidade não é passageira, ela, mesmo aqui na terra, tem o sabor da eternidade. O dia de Finados  não é para mim dia de tristeza e nem dia de amargas recordações, mas sim o dia da esperança, onde espiritualmente me uno a tantas pessoas que me precederam para com elas agradecer a Deus o dom da vida aqui e o dom da vida eterna. O nosso corpo, semente de vida, dorme esperando o dia em que será chamado para acordar para sempre e louvar a Deus com cânticos novos.



Oremos pelos nossos entes queridos que já se foram , nos precederam à morada eterna, junto de Deus . Orar por eles é buscar uma maior aproximação e sentir o abraço fraterno de quando estávamos juntos . 

 A eles presto homenagem no dia de hoje , dedicando um tempo em orações e buscando recuperar a saudade da presença física , mas na certeza de que a vida eterna é para todos . E, conforme está escrito , um dia nos encontraremos .




DESCANSEM EM PAZ !

quinta-feira, 1 de novembro de 2018

Enfim, Novembro!!!





E chega Novembro enchendo nossos pulmões com novos ares a anunciar novas promessas , muito a esperar , muitos sonhos e desejos ocultos .

Mais um mês que se inicia ao mesmo tempo em que anuncia que o fim do ano está próximo . Que venha Novembro e me surpreenda sim , mas com boas e alegres notícias . Leve prá longe o restinho de tristeza,  saldo do mês de Outubro que no geral não considero com um dos melhores .

Outubro foi um Mês muito tumultuado pelas questões políticas , cheio de dúvidas e anseios sobre os rumos da nação . E como se já não bastasse toda essa confusão na mídia , redes sociais e televisivas , particularmente trouxe nuvens escuras em meu seio familiar . ´

A morte sempre nos assusta em qualquer situação . Somos seres viventes e finitos .Sabemos que um dia partiremos , a terra não é nossa eterna morada. Mas , quando a morte chega assim abruptamente sem mandar recado , ficamos a princípio anestesiados para logo depois passar ao grau de incredulidade e revolta. Nossa mente se recusa a entender e aceitar a crueldade dos dias em que estamos vivendo .

Por todo o ocorrido , pela dor da perda que tivemos no final do mês de Outubro , o que eu mais desejo é que Novembro chegue trazendo leveza, amenizando os sofrimentos acumulados  e preparando nossos corações e nossa mente para o ano que se iniciará em breve!

Que Novembro  traga mais alegria,  traga ideias novas ,  traga sorrisos! Que leve embora toda essa tristeza, essa confusão, essa angústia... 

Que esse novo mês seja melhor que os outros meses, que as brigas cessem, que a felicidade reine e que tudo de bom aconteça. Que em Novembro o encerramento do ano comece com muita alegria.


Que a esperança nunca morra e a fé se renove a cada manhã na presença de Deus que não nos abandona nunca.


Seja bem-vindo Novembro, com o fôlego de vida, com a justiça, a bonança, com o verde e todas as outras cores, nos traga o que Outubro nos levou e nada nos acrescentou, e nos preencha com a força do amor e do perdão.

AMÉM!

segunda-feira, 22 de outubro de 2018

VIDAS ROUBADAS -



Quando escrevi https://kantinhodaedite.blogspot.com/2018/02/meu-passado-me-condena.html, referia-me exatamente a esta pessoa  ,( da qual prefiro não dar maiores detalhes) , e que culminou num final trágico , como mostra o texto abaixo . 

Vidas que se vão cedo demais... e deixam marcas


Corta o coração quando ouvimos do envolvido : Já não adianta mais . Eu estou marcado . Perdi a credibilidade . Nada que eu faça ou fale colabora para que eu deixe de ser rotulado . Ah , se eu soubesse que tudo ia terminar assim....Mas não dá para voltar atrás!   (meu passado me condena )


E não deu mesmo , não foi possível uma reintegração na sociedade .
Não bastou o desejo interior , o esforço de tantos … o sofrimento da mãe e dos demais familiares e amigos.
Tudo indicava que um dia o final poderia ser trágico . Não da maneira como tudo aconteceu , talvez com menos sofrimento .
Bem , mas não sei dizer como seria esse “menos sofrimento “ . Porque já se sofria tanto convivendo num clima de medo , insegurança e dúvidas .
O fato é que a vida que era ainda jovem , poderia tomar outro rumo caso houvesse comprometimento .

Tudo foi feito para trazê-lo de volta ao caminho do bem . Tudo foi tentado . Nada há a replicar . Não existem culpados . Nem mesmo o agressor eu culpo totalmente . Espero o julgamento dos homens e confio no julgamento de Deus.

Nada justifica tirar uma vida . . Mas as pessoas , muitas vezes pecam pelo impulso do momento , já cansadas de ver repetidas sempre as mesmas cenas de violência e agressões .
Um dia o estopim explode ! E quando se cai em si, a “besteira “já está feita . E a vítima jaz inerte em uma poça de sangue .

E foi assim que tudo terminou no final da tarde deste último sábado . Um jovem assassinado com duas facadas , uma mãe desesperada , uma viúva um pouco “distante “ sem saber como reagir . E , o mais dolorido , um pequeno bebê prestes a completar 3 aninhos de quem foi tirada o prazer de conviver com o pai . Uma orfandade forçada, adquirida de forma brutal.
Que o Senhor proteja esse pequeno ser e lhe direcione os passos.





Nós mães, estamos sempre dizendo aos nossos filhos "Que Deus te acompanhe", "Vai com Deus", porque sabemos que ao lado de Deus nossos filhos estão bem, estão protegidos, porque Ele é o pai de todos nós.

Não há nada pior na vida de uma mãe do que perder um filho, e eu sei bem que esta perda é imensurável. Nada pode confortar o coração de uma mãe que viu o seu filho partir. A única coisa que pode amenizar a sua dor é pensar que o seu rapaz, o seu filho amado, está neste momento ao lado de Deus, que o Senhor o chamou. 

Seu filho está acompanhado do nosso pai, ele agora está protegido. Nada mais de mal pode lhe acontecer. Ele está em paz! Apesar da dor e das saudades, pense que o seu menino está bem. 
Reze e peça conforto e luz. 
Conte comigo para o que precisar.
Que o "nosso menino" descanse em paz!

Um abraço muito forte e receba os meus mais sinceros pêsames.

Edite

sexta-feira, 19 de outubro de 2018

Sinto-me cansada ...




Tenho me sentido cansada ! Exausta mesmo . Tenho a sensação de carregar o mundo nos ombros . Pode parecer exagero , mas às vezes a vida exige tanto de nós! 
Já há alguns meses carrego comigo essa sensação de estar "atolada" Não é um cansaço físico. Um cansaço mental que  me faz achar que não vou dar conta de tanto a resolver .

Parece que tudo se perdeu : sonhos ...esperanças ... desejos de inovar... 
Tenho desejos de doar  mais de mim mesma, mas falta-me inspiração . Parece que tudo aquilo porque sempre lutei  foi por água abaixo . Sinto morrer o meu ideal . Sinto-me não correspondida , apenas usada .

É difícil fazer novas tentativas, quando não vem o apoio esperado . E eu, então , na tentativa de não falhar com terceiros , dou tudo de mim e consequentemente acabo me estressando devido à sobrecarga .

A vida nos reserva surpresas . A princípio tudo parece caminhar bem , firmamos nossos objetivos e cheios de entusiasmo nos colocamos a caminho . Começam a aparecer as dificuldades , as frustrações, as demandas . Vamos nos equilibrando como numa corda bamba , até que tudo parece ruir.  Começamos a nos sentir oprimidos , exaustos e aborrecidos . É hora então de tomar algumas medidas na tentativa de buscar de novo o equilíbrio . 
Reconhecer sinais e/ou sintomas de estresse mental funciona positivamente no sentido de se reequilibrar adotando medidas que afastem seus efeitos nocivos .

Sinto dificuldade em seguir a minha rotina , o que faz com que eu me sinta improdutiva .
Um olhar mais atento me fez ver também um certo impacto sobre minha atenção que já não é mais a mesma e a memória também tem dado sinais de fragilidade . Atenção e memória são funções cerebrais essenciais no nosso dia a dia . E um impacto sobre elas acaba por comprometer atividades que antes eram comuns no dia a dia . Assim me disse uma psicoterapeuta .

 Meu sistema imunológico também tem dado sinais de vulnerabilidade , quando não reage bem ao aparecimento de  gripes e resfriados corriqueiros ou outros vírus que circulam por aí .

Quero ter tempo para uma leitura agradável , tempo para minhas orações , 
 tempo para minha família e vida social . 
Tempo para postar em meus blogs e também visitar amigos virtuais.
Tempo para atualizar minhas páginas sociais .   
Tudo feito com prazer e não aquela sensação de algo pesado e obrigatório.

Só quero um pouco de tranquilidade , uma melhor distribuição de afazeres no meu dia ,
 Quero que a noite chegue tranquila e calma trazendo-me paz ao coração.
Por isso o tempo afastada daqui . Por isso o tempo afastada de meu grupo no facebook .
Não conseguia me aproximar do computador . Até do celular deixei de me atualizar nos grupos . E é claro que as cobranças vêm ...

 Mas , hoje , só hoje , perdoem-me os amigos , senti-me disposta a escrever aqui tudo aquilo que me aflige . Aos poucos vou retornando . Espero que compreendam . Eu precisava deste tempo . E talvez ainda precise mais . Vou aparecendo conforme a disponibilidade . 
Mas sinto falta deste espaço , apenas falta-me o ânimo necessário para aqui estar.

 Mas prometo , vou melhorar ...
 O primeiro passo já dei , reconhecendo que a principal ação contra o estresse é a mudança de hábitos, o que faz com que encaremos  o dia a dia de maneira diferente .
 E isso já me propus a fazer .



terça-feira, 2 de outubro de 2018

Aprenda com a vovó a fazer esse delicioso licor ...




O contato com a enorme produção de jabuticabas no sítio me fez pensar numa maneira de aproveitá-las de forma mais diversificada que não somente com a ingestão in natura .

E porque não fazer um delicioso licor artesanal como na época da vovó. 

Existem várias maneiras de se preparar um delicioso licor caseiro desde o tempo de nossas avós e que foram passadas de geração em geração . 

Embora hoje ,sendo produzido em larga escala industrial , por meio de processos mais sofisticados , o licor artesanal da vovó ainda tem seu charme e seu encanto servido como aperitivo ou como digestivo .


Licor caseiro é coisa de antigamente, de casa de avó ou de bisavó, que vai à mesa numa bandeja com toalhinha de crochê, numa garrafa linda de vidro ou de cristal rodeada por tacinhas ou copinhos também lindos. Licor não é coisa pra tomar todo dia, mas sim pra encerrar refeições especiais, não é bebida que se bebe em grandes quantidades, mas sim doses pequenas."


Ingredientes:
  •  1 litro de jabuticaba
  •  1 copo de cachaça (ou álcool de cereais)
  •  1 litro de água fervendo
  •  800 gramas de açúcar (5 xícaras)
  •  1 pote de vidro grande
Passos a seguir para fazer esta receita:

Para fazer licor de jabuticaba, comece por colocar as jabuticabas no vidro. Cubra com o açúcar. De seguida, acrescente a cachaça (que pode ser substituída por álcool de cereais).
Por fim, adicione a água fervente. Deixe esfriar, tampe a mistura e reserve em um lugar escuro por, no mínimo, 30 dias.



Depois do período de descanse, coe o licor de jabuticaba fácil em papel filtro e transfira para uma garrafa bonita. Sua bebida deliciosa está pronta a servir!
Surpreenda os seus convidados com esse licor maravilhoso num encontro para um bom papo



Licor caseiro é coisa de antigamente, de casa de avó ou de bisavó, que vai à mesa numa bandeja com toalhinha de crochê, numa garrafa linda de vidro ou de cristal rodeada por tacinhas ou copinhos também lindos. Licor não é coisa pra tomar todo dia, mas sim pra encerrar refeições especiais, não é bebida que se bebe em grandes quantidades, mas sim doses pequenas."( citação da net)



Uma deliciosa geleia de jabuticaba também pode fazer parte de seu cardápio ao servir o lanche da tarde .
 Fica deliciosa com torradas e além de acrescentar um sabor diferenciado no seu lanche , também irá se beneficiar das propriedades alimentícias da fruta.  



Geleia de jabuticaba
(aproximadamente 180 g)

Ingredientes
1 kg de jabuticabas maduras
200 g de açúcar cristal 



Preparo

Lave bem as jabuticabas. 

Coloque-as em uma panela de fundo grosso com água suficiente para que fiquem cobertas. 
Deixe cozinhar em fogo médio até que as cascas se abram e a poupa saia (mais ou menos 10 minutos).

Desligue o fogo e passe por uma peneira, espremendo bem as frutinhas. 
Torne a levar esse caldo com o açúcar ao fogo médio, mexendo de vez em quando. 
O caldo começará a engrossar. 
O ponto da geleia é quando molha-se as costas de uma colher e é possível passar o dedo sem o líquido escorrer. 
Lembre-se que a geleia encorpa ao esfriar.

Coloque em um pote de vidro com tampa, ambos esterilizados. 

Nota: a quantidade de açúcar varia de gosto. Use pouco porque se gostar de sentir o sabor da fruta, mas se achar necessário, coloque um pouco mais e deixe mais adocicada.



segunda-feira, 24 de setembro de 2018

É PRIMAVERA!!!

Esta música é da minha infância e ouvindo-a transportei-me ao tempo estudantil em criança .
Cantávamos em sala de aula num compasso bem rápido , formando um coro alegre e divertido .
Bons tempos aqueles ! 


  

Hoje o dia amanheceu realmente com ar primaveril! Um céu azul , límpido reluzente sob o brilho do sol que já desde bem cedinho já denotava que iria castigar durante todo o dia . 

Os dias frios e cinzentos vão dar uma pausa . É recomeço ! É vida ! É renovação da fé e da esperança  que deve brotar como brotam as flores .

É a primavera que chegou mostrando novos caminhos e nos dando a certeza que a vida renasce a cada instante .

Depois de tantos dias nublados e escuros , surge o brilho do sol que parece que veio para ficar . É a luz para clarear os dias , simbolizando também que quer acredite ou não. mais dia  menos dia uma luz também iluminará páginas escuras da vida . 

Plantas renascem sinalizando que mesmo na dor mais profunda sempre haverá a raiz do recomeço .
As flores desabrocham indicando vida que recomeça .
 É isso , é primavera ! Renovação da vida ! Esperança reacendendo. 

As flores já estão no caminho . Tudo depende de cada um de nós : caminhar por entre elas ou ficar escondida para sempre no frio e cinzento inverno .




A primavera chegará, mesmo que ninguém mais saiba seu nome, nem acredite no calendário, nem possua jardim para recebê-la. A inclinação do sol vai marcando outras sombras; e os habitantes da mata, essas criaturas naturais que ainda circulam pelo ar e pelo chão, começam a preparar sua vida para a primavera que chega.

                                                                                                       Cecília Meireles          










     

domingo, 23 de setembro de 2018

Ipês de Setembro : prenúncio de primavera




“Muitas pessoas levam seus cães para passear; eu levo meus olhos para passear, eles se encantam com tudo.”
 Assim disse Rubem Alves para falar de um outro modo de olhar: olhar com paixão, encantamento.


Eu que pensei que já tinha completado minha cota de fotos de ipês para este ano , de repente vejo-me frente a uma nova floração .


 Assim meus olhos passeiam quando caminho ou quando estou numa estrada . Sou observadora e tudo me atrai desde uma pequena flor que rompe na calçada até a beleza esplendorosa dos ipês . 



Desde Junho tenho acompanhado a floração dos ipês que já passaram pelo rosa intenso, para alguns denominado ipê roxo e  também os tons mais amenos.


 Agora me deparo com o esplendor do ipê rosa pálido . Tão pálido que chega a ser intrigante.    Grandes árvores cobertas de buquês rosa clarinhos insinuando romance  ornamentam as esquinas da cidade vizinha .

Os buquês são espetaculares . Não há espaços entre eles . Não há folhas verdes . É tudo um só conjunto .


Na calçada um tapete  que mais parece um colchão macio
Uma beleza suave e ao mesmo tempo atraente , apesar da pouca intensidade da cor. 


A beleza dos ipês em sua exuberância, anuncia a primavera e sempre nos traz uma mensagem de vida.
Ruas e avenidas de Assis ostentando toda a beleza divina. Divina ,sim, porque toda essa beleza nos remete ao paraíso que Deus preparou com cuidado para o primeiro homem e a primeira mulher. 

Diz o Gn.2,8-9 "que Deus plantou um jardim de delícias e pôs nele o homem, com toda espécie de árvores formosas à vista . 
Não podemos imaginar que os ipês já tenham existido no Éden, e Deus os mantém na terra para nos fazer sentir saudades do "paraíso perdido?"( uma analogia que encontrei em Aleteia)
Adão e Eva não souberam dar valor a beleza gratuita que o Senhor havia lhes preparado. Estaremos nós prontos a fazer morada nesse paraíso?
Admiremos a beleza do paraíso terrestre, mas vivamos 
de tal maneira que um dia possamos gozar as alegrias do paraíso celestial.


 As belezas naturais são como uma tênue ideia do paraíso .Deus , o grande arquiteto, antecipa a nós a beleza eterna do paraíso  através de belezas da natureza.

A beleza dos ipês em sua exuberância, anunciam a primavera e sempre nos traz uma mensagem de vida.
Ruas e avenidas de Assis ostentando toda a beleza divina. Divina ,sim, porque toda essa beleza nos remete ao paraíso que Deus preparou com cuidado para o primeiro homem e a primeira mulher. Adão e Eva não souberam dar valor a beleza gratuita que o Senhor havia lhes preparado. Estaremos nós prontos a fazer morada nesse paraíso?
Admiremos a beleza do paraíso terrestre, mas de tal maneira que um dia possamos gozar as alegrias do paraíso celestial.

O manto dourado do ipê amarelo confere um ar de corte que simboliza seu reinado entre as outras árvores. Mistura-se com o  dourado do sol que reluz entre o verde da mata. Suas flores em cachos trazem a mensagem de esperança no porvir, nas promessas de Deus ainda não realizadas, mas que a seu tempo se cumprirão.


Os ipês brancos como flocos de algodão, parecem nuvens tal brancura apresentam sem nunca se deixar manchar . Evoca-nos o esvoaçar de anjos bem como a pureza celestial de Maria , Virgem imaculada .

"Na impermanência da vida , Deus sempre encontra uma forma de falar conosco e renovar nossas emoções mais profundas . É só olhar para o mundo com os olhos do coração " 







SEJA BEM VINDA, PRIMAVERA!