quarta-feira, 9 de julho de 2014

O sonho não acabou...

Quarta-feira de feriadão...
Ânimos um pouco abatidos!
Pudera, afinal almejar a vitória do Brasil era sonho de muitos.
Decepção total. Não pela derrota, mas pela vergonha nacional.
1x7? Demais....surra total.

Perder faz parte do jogo. Afinal quando se entra numa competição, sabe-se dos riscos.
Perder, mas perder com dignidade. Não, "a melhor seleção"do mundo jogando como um time de amadores. Buscávamos o Hexa e conquistamos o "HEPTA", presente dos alemães. (rss)
Bem, mas a vida continua. O sonho do HEXA acabou, pelo menos por enquanto. Mas temos outros sonhos, outras prioridades. 

E a prioridade do momento agora são as eleições. Vamos nos preparar bem, nos informar sobre cada candidato, sua vida, seus feitos, seu caráter para fazer uma boa votação buscando"errar menos".
Talvez com "bons homens"no poder, autoridades que realmente priorizem as necessidades do momento buscando favorecer a população e não o "seu bolso"possamos reverter esse quadro de  "descaso"com a saúde, educação, transportes, segurança,etc... mesmo que a longo prazo.
 

Encero essa mensagem  com os olhos voltados para um futuro melhor, o peito inflado de orgulho em ser brasileiro, sim, porque ainda "sou brasileiro com muito orgulho, com muito amor..."
 


 Olha pro céu meu amor  e veja como ele está lindo!!!...

4 comentários:

  1. O céu lindo e bela mensagem! Pra frente ,colocando o futebol no devido valor, ou seja, não à frente de coisas importantes na vida, não pode nos dar tristeza o vexame do Brasil. Foi apenas mais um jogo! bjs,chica

    ResponderExcluir
  2. Olá, tudo bem? Acho completamente exagerado aquele momento do Hino Nacional.. Detesto esse mantra "sou brasileiro com muito orgulho, com muito amor...". Êta coisa depressiva!!!! Rs... Bjs, Fabio www.fabiotv.zip.net

    ResponderExcluir
  3. O futebol tornou-se empresa, o amor à camisa morreu. Futebol é esporte coletivo. Todos têm que jogar num conjunto e não dependendo só de um. Viu a coletividade que os alemães demonstraram? A seleção deles vem treinando há mais de 08 anos. O técnico está lá por muito tempo. Aqui é um troca-troca doido, onde a seleção é formada por "estrangeiros" que se reúnem de vez em quando. O resultado só poderia ser o que nós presenciamos.
    Abração, Edite.

    ResponderExcluir
  4. A vida não é futebol, só para alguns.

    Não consigo entender como milhares vivem mais do e com o futebol do que com os amigos e família.

    Sem julgar, creio que as prioridades andam um pouquinho trocadas.

    Que vença o melhor e pelos vistos o Brasil tem jogado pouco.

    Beijinhos e boa semana.

    ResponderExcluir